-- ------ Harry Winks – Talento do Norte de Londres - ProScout - Bom Futebol
Bom Futebol

Harry Winks – Talento do Norte de Londres – ProScout

Winks

Harry Winks – Talento do Norte de Londres – ProScout

O jovem de 21 anos, Harry Winks, começou desde muito cedo a jogar pelos Spurs, desde os 6 anos que começou a jogar na academia do Tottenham, sendo para além de jogador um adepto do clube.

Embora ainda seja um jovem, na época transata participou em 33 jogos pela equipa principal, nos quais começou a mostrar todo o seu valor e tornar-se uma aposta constante do treinador até que uma lesão em abril fez com que a época terminasse mais cedo para ele. Apesar da lesão, Harry continuou a trabalhar para recuperar totalmente e poder voltar a jogar o mais rápido possível.

Agora, após ter recuperado da lesão, neste inicio de época já participou em 13 jogos pela equipa A e efetuando sempre boas exibições, podendo vir a tornar-se um elemento importante do Tottenham no meio-campo. De referenciar o facto de já nesta época ter sido chamado á seleção principal da Inglaterra para disputar uma dupla jornada para a Qualificação para o próximo Mundial.

Um Jogador Completo

No meio-campo tanto pode ocupar a posição de médio defensivo como a de médio centro, tendo mais características de um médio centro. É um elemento importante na 1ª fase de construção vindo muitas vezes buscar a bola entre os centrais para sair a jogar ou ser ele próprio a arrancar com a bola desde a sua zona defensiva até ao meio campo ofensivo, este ultimo aspeto podemos verificar quase sempre em todos os jogos que participa, tendo uma arrancada fantástica libertando-se assim da pressão. É bom tecnicamente, não só ajudando na fase de construção, mas também no último terço na criação de oportunidades de finalização.

Defensivamente os seus pontos fortes são a pressão sobre o portador da bola e disputas de 1×1. Embora não tenha um físico que lhe permita impor-se perante o adversário (1,78cm e 65kg), com a sua inteligência e agilidade consegue muitas das vezes ocupar o espaço certo e efetuar desarmes importantes.

É um jogador completo que pode alinhar em diferentes sistemas táticos, sejam eles com 2 ou 3 médios. No caso do Tottenham costuma alinhar no meio-campo com Eric Dier no sistema 4-2-3-1 mas também já aconteceu alinhar num 3-4-2-1 ou 3-4-3. É um jogador bastante versátil que tanto pode ter uma missão mais defensiva num jogo como no seguinte estra mais ligado ao ataque.

Sem dúvida, que embora seja ainda bastante jovem pode ajudar a sua equipa desde já e tornar-se um alvo para as maiores equipas do mundo por tudo o que dá ao jogo.

Winks

Autoria: Joana Silva (ProScout)

Deixe o seu comentário

bomfutebol