-- ------ Liga Europa - 2ª Jornada da Fase de Grupos - Bom Futebol
Bom Futebol

Liga Europa – 2ª Jornada da Fase de Grupos

Liga Europa – 2ª Jornada da Fase de Grupos

Como sempre, a Liga Europa ofereceu grandes espetáculos, resultados surpreendentes e muitos golos! A segunda jornada começa a revelar quais os principais candidatos aos lugares de qualificação!

Grupo A

No grupo A, o Astana recebeu em casa o Slavia de Praga, num jogo em que o empate final ficou a saber a pouco à equipa visitante, que teve as melhores oportunidades, num jogo repartido, mas que, após inaugurar o marcador através de Ngadeu-Ngadjui, respondendo à marcação de um livre, ainda teve mais 2 bolas nos ferros da equipa da casa. O Astana conseguiu equilibrar a partida e empatou ainda na 1ª parte, numa recarga convertida por Tomasov.

No outro jogo do grupo, Maccabi Tel-Aviv e Villareal anularam-se e dividiram pontos. Apesar de um jogo relativamente equilibrado, o Villareal foi sempre mais perigoso e esteve mais perto de marcar, mas o Maccabi consegue estender a invencibilidade caseira para 8 jogos, conquistando o seu primeiro ponto nesta fase de grupos.

Clube Jogos Pontos
Slavia Praga 2 4
Vilarreal 2 4
Astana 2 1
Maccabi Tel-Aviv 2 1

Grupo B

O Young Boys foi à Albânia “sacar” um ponto ao Skënderbeu para elevar para 11 jogos sem vitórias foras, enquanto que os da casa continuam a ser um osso duro de roer. Sowe, já na 2ª parte, concluiu um lance rápido de ataque, batendo Ballmoos mas Assalé empatou passar 7 minutos. O Young Boys ainda teve a oportunidade soberana, em periodo de descontos, resolver o jogo, mas faltou melhor pontaria aos suiços.

Por seu lado, o Partizan – Dínamo Kiev foi uma excelente partida de futebol. O Partizan mostrou estar bastante forte e ao intervalo vencia por 2-0, com golos de Ožegović e Tawamba mas os ucranianos puxaram dos seus galões e deram a volta ao resultado, por Júnior Moraes, na conversão de uma grande penalidade, Buyalskiy a empatar numa boa jogada por Besedin e novamente o inevitável Junior Moraes a fechar o resultado numa recarga após bola no ferro.

Clube Jogos Pontos
Dinamo Kiev 2 6
Young Boys 2 2
Partizan 2 1
Skënderbeu 2 1

Grupo C

E ao quarto jogo… quarta derrota para a turma de Julian Nagelsmann, que continua sem saber o que é não perder nas competições europeias. O Hoffenheim foi à Bulgária defrontar o Ludogorets e até se adiantou no marcador, por Kadeřábek, logo aos 2 minutos, mas Dyakov e Lukoki, este com um golo de levantar o estádio, deu vantagem à equipa da casa, que criou sempre mais perigo e foi melhor equipa que os alemães.

Quem vai de vento em popa é o Sporting de Braga que passou para a liderança, ao vencer o İstanbul Başakşehir por 2-1. O jogo esteve empatado por 90 minutos, com o Sporting de Braga a abrir as hostilidades aos 26 minutos, para o empate chegar passado apenas 2 minutos. O golo da vitória chegou aos 89 minutos, por Fransérgio, que vale os 6 pontos e a liderança do Grupo C.

Clube Jogos Pontos
Sp. Braga 2 6
Ludogorets 2 4
İstanbul Başakşehir 2 1
Hoffenheim 2 0

Grupo D

Na Grécia, o AEK recebeu o Áustria de Viena e a equipa da casa abriu o marcador por Livaja, sendo que os austríacos deram a volta por Monschein, que ainda acertou na barra, e Tajouri-Shradi, sendo que o mesmo Livaja acabou por empatar já no final do jogo, numa partida com 23 remates para o AEK e 11 para o Áustria de Viena, numa disputada partida de futebol.

Em San Siro, a milionária equipa do AC Milan demora a encontrar o seu momento. Tudo indicava que iria ser uma noite tranquila, com André Silva a fazer o 1-0 aos 14 minutos e Musacchio aos 53 a aumentar para 2-0, numa partida que o Milan controlou, apesar da boa réplica do Rijeka, que silenciou Milão quando Acosty reduziu aos 84 minutos e Elez empatou, de grande penalidade, aos 90 minutos. Felizmente, para os da casa, que Crutone, coqueluche rossoneri, fez o golo da vitória aos 94 minutos, valendo os 3 pontos aos italianos.

Clube Jogos Pontos
AC Milan 2 6
AEK Atenas 2 4
Áustria Viena 2 1
Rijeka 2 0

Grupo E

Jogo grande entre duas equipas que estão a praticar BomFutebol, com o Lyon a receber a Atalanta, com o jogo a terminar empatado a 1 bola. Traoré, no final da primeira parte, deu vantagem à equipa da casa, após uma sucessão de oportunidades de parte a parte, mas Goméz, de livre direto, fez o empate, resultado que não sofreu mais alterações.

O Everton continua a mostrar uma face irreconhecível e volta a marcar passo, cedendo um empate caseiro contra o Apollon Limassol. Sardinero deu vantagem aos cipriotas, mas um erro de Yuste, que tentava atrasar para Bruno Vale, permitiu a Rooney empatar, com Vlasic a dar a volta ao resultado. O mesmo Yuste redimiu-se aos fazer o 2-2 final, respondendo de cabeça à marcação de um livre.

Clube Jogos Pontos
Atalanta 2 4
Apollon Limassol 2 2
O. Lyon 2 2
Everton 2 1

Grupo F

Na Rússia, Manuel Fernandes deu a vitória do Lokomotiv sobre o Zlín, que até criou mais oportunidades que a equipa da casa, mas o hat-trick do médio português não deu hipotese aos Checos. Logo os 2 minutos, inaugurou o marcador na conversão de uma grande penalidade, ampliando para 2-0 aos 6 minutos e fechando as contas ao 17 minutos. Pouco valeu ao Zlín a boa réplica, saindo de Moscovo com uma pesada derrota.

Na primeira visita de um clube dinamarquês à Moldávia, o Copenhaga conseguiu “apenas” trazer um ponto, apesar de ter dominado a partida e criado as melhores oportunidades. O Sheriff entrou melhor na partida, criando algumas oportunidades, mas a diferença entre equipa é notória, apesar do nulo.

Clube Jogos Pontos
Lokomotiv Moscovo 2 4
Copenhaga 2 2
Sheriff 2 2
Zlín 2 1

Grupo G

Em visita à República Checa, o Hapoel Be’er Sheeva continua com a má forma fora de casa, somando a 3ª derrota consecutiva contra um Plzen que não deu hipotese aos israelitas. Petržela colocou os checos na liderança, com Nwakaeme ainda a empatar mas  Kopic e Bakoš fizeram o resultado final, que se deve considerar mais que justo, tendo em conta o que se passou em campo.

O Steaua foi à Suiça vencer o Lugano por 2-1, num jogo com 2 partes distintas. A primeira, onde o Lugano chegou ao golo por Bottani, teve claro ascendente da equipa da casa, mas o Steaua conseguiu dar a volta ao resultado em 6 minutos com golos de Budescu e Júnior Morais, já na 2ª parte, para obter a primeira vitória de sempre em território helvétivo.

Clube Jogos Pontos
Steaua 2 6
Plzen 2 3
H. Be’er Sheva 2 3
Lugano 2 0

Grupo H

O Arsenal foi até à Bielorrússia vencer o Bate Borisov por 4-2, numa partida em que as facilidades defensivas dadas pela equipa da casa permitiu aos ingleses construir uma confortável vitória, já que aos 25 minutos o resultado já se quedava nos 0-3, apesar da boa réplica ofensiva dos bielorrussos. Se Ivanic ainda deu esperança de uma remontada, Giroud fez o 4-1 no início da 2ª parte, sendo que Gordeichuk fez o 4-2 final aos 68 minutos.

O Colónia continua a sua senda de maus resultados ao perder em casa com o Estrela Vermelha por 1-0.  Boakye fez o único golo do jogo, com uma bomba fora da área, sendo que a equipa da casa fez mais por merecer um melhor resultado, com futebol muito ofensivo, mas a sorte não estava do seu lado, tendo acertado 3 vezes nos postes só na 2ª parte.

Clube Jogos Pontos
Arsenal 2 6
Estrela Vermelha 2 4
BATE Borisov 2 1
Colónia 2 0

Grupo I

Num dos jogos grandes, o Salzburgo recebeu o Marselha num jogo bem disputado que valeu a vitória à equipa da casa, que teve sempre um ligeiro ascendente sobre os franceses. Dabbur, aos 73 minutos, fez o único golo do jogo, que permite passar para 1º no grupo I.

O Konyaspor conseguiu a sua primeira vitória de sempre nas competições europeias ao vencer o Vitória Sport Clube por 2-1, com golos de Araz e Milošević, sendo que Hurtado reduziu mas foi insuficiente para recuperar o marcador. Vitória justa da equipa turca, que conseguiu mostrar mais argumentos que os vitorianos para levar os 3 pontos.

Clube Jogos Pontos
Salzburgo 2 4
Konyaspor 2 3
Marselha 2 3
Vitória SC 2 1

Grupo J

No grupo das surpresas, o Östersund continua a surpreender a Europa ao vencer o Hertha Berlim em casa por 1-0, num golo de Nouri, na conversão de uma grande penalidade. A equipa sueca venceu os 4 jogos europeus em casa esta temporada, sendo que o Hertha vendeu cara a derrota criando inúmeras oportunidades num jogo em que dominou.

A grande surpresa da noite foi a vitória do Zorya no terreno do Athletic Bilbao, com Kharatin a fazer o único golo do jogo. Apesar de tudo, o Athletic fez de tudo para, pelo menos, empatar o jogo, sendo que Munain ainda enviou a bola do poste, mas estava escrito que a equipa ucraniana levaria os 3 pontos para casa.

Os 6 adeptos do Zorya a festejar o golo da vitóra

Clube Jogos Pontos
Östersund 2 6
Zorya 2 3
Athletic Bilbao 2 1
Hertha Berlim 2 1

Grupo K

Em plena Costa Azul, o Nice venceu o Vitesse por uns claros 3-0 que não deixam muita sombra para dúvidas da diferença entre ambas equipas. Plea bisou aos 16 e 82 minutos e o inevitável Saint-Maximin fez o seu tento aos 45 minutos. Com este resultado, começa a ficar claro que a luta será entre Nice e Lázio e será pelo 1º lugar…

… pois os italianos venceram por 2-0 o Zulte Waregem, numa partida em que os belgas tentaram disputar o resultado mas os italianos foram mais cínicos e eficazes. O ex-Sporting Caicedo e Immobile fizeram os golos da equipa da casa, sendo que permite aos romanos ascender ao 1º lugar.

Clube Jogos Pontos
Nice 2 6
Lázio 2 6
Zulte Waregem 2 1
Vitesse 2 1

Grupo L

Em São Petersburgo, o Zenit recebeu a Real Sociedad e venceu por 3-1, com um show de Kokorin. O resultado engana, tendo em conta ao que se passou em campo, mas a verdade é que aos 25 minutos a equipa da casa estava na frente com golos de Rigoni e Kokorin, este último após um erro gravissimo da defesa basca. Llorente ainda reduziu no final da primeira parte, mas Kokorin voltou a colocar a equipa russa na frente e fez o 3-1 final.

O Rosenborg recebeu o Vadar e venceu pelo mesmo resultado que o outro jogo do grupo. Novamente, o resultado enganou pois o Vadar deu uma excelente réplica mas ficou a faltar mais experiência aos visitantes. Bendtner sofreu e convertou uma grande penalidade, para abrir o resultado, sendo que Konradsen e Hedenstad aumentaram para uns pesados 3-0, mas Juan Felipe reduziu com o golo da jornada, já aos 93 minutos de jogo.

Clube Jogos Pontos
Zenit 2 6
Real Sociedad 2 3
Rosenborg 2 3
Vadar 2 0

Deixe o seu comentário

bomfutebol