-- ------ Pinas: artilheiro e líder no concorrido Ajax - Alambrado - Bom Futebol
Bom Futebol

Pinas: artilheiro e líder no concorrido Ajax – Alambrado

Pinas: artilheiro e líder no concorrido Ajax

Ele parece impor respeito nos zagueiros nos primeiro toques na bola. A consciência e tranquilidade na qual domina o espaço e finaliza espanta quem o acompanha. Forte, alto e rápido, Pinas não é só mais um goleador na famosa base do Ajax.

Jaymillo, seu primeiro nome, chegou ao clube no início de 2017, após destaque no Volendam. Ele foi contratado para o Ajax sub-16 cercado de expectativas. Já com passagens pela seleção holandesa sub-15, embarcou para Amsterdã para fazer parte de uma geração mágica do clube: a famosa /02.

O jogador completou um elenco que conta com Gravenberch, Brobbey, entre outros destaques. Porém, sem se intimidar, foi destaque desde o início na equipe.

Podendo atuar como centroavante ou aberto, Pinas tem bom porte físico e velocidade. Mas é na finalização que ele se destaca e mostra poderio acima da média. A média de gols na primeira temporada é de respeito.

Pinas pelo Volendam (Foto: Reprodução/groot-waterland.nl)

Na linha de Kluivert e Seedorf

Pinas tem descendência de Suriname, importante país na disposição de matéria-prima para o futebol holandês. Nascido em 3 de maio de 2002, compartilha com Kluivert e Seedorf, por exemplo, a origem de Suriname.São 14 gols na primeira metade da temporada. Números que o deixam como segundo maior goleador da base do Ajax, empatado com Brobbey. O alto número impressiona a todos, assim como a habilidade da perna esquerda. Sem precisar de tempo para adaptação, ele fez dois gols contra o Feyenoord em uma de suas primeiras partidas pelo clube.

Inclusive, o sobrenome Pinas não é novidade na Holanda. Touvarno e Reluno foram jogadores no país nas décadas passadas. O primeiro atuou como lateral e ponta-esquerdo, enquanto o segundo começou no Feyenoord e foi importante no Groningen.

A tendência é que Jaymillo defenda a seleção holandesa quando chegar ao profissional, seguindo os passos de diversos ídolos do país. Até agora, apenas convocações para amistosos no sub-15 e sub-16.

Recentemente, marcou um gol de raro talento contra os estadunidenses, pela Nike Friendlies Cup. Em uma arrancada, finalizou com força com o pé esquerdo. Jogada que deve ser comum daqui alguns anos no futebol do país.

Autoria: Caio Alves (Alambrado)

Deixe o seu comentário

bomfutebol