-- ------ Portimonense volta a marcar passo - Ledman LigaPro - Bom Futebol
Bom Futebol

Portimonense volta a marcar passo – Ledman LigaPro

Está a ser um 2017 inesperado para Vítor Oliveira. O seu Portimonense perdeu cinco dos seis encontros na Ledman LigaPro este ano civil e soma três nos últimos cinco desafios. A margem é bastante tranquila, mas os adeptos deixaram de sonhar com os 100 pontos

A Tabela da Ledman LigaPro na Federação Portuguesa de Futebol dá União Madeira e Sp. Covilhã com mais um jogo disputado e um e três pontos a mais respectivamente, face à da Liga Portugal, o Sporting Braga B tem menos três pontos, FC Porto B tem mais três pontos, Vizela tem mais um ponto. Fica-se sem saber qual é a verdadeira classificação da Ledman LigaPro. Fonte: FPF

Esta nossa avaliação da Ledman LigaPro arranca logo com muitas dúvidas. Quando os dois órgãos que tutelam, directa e indirectamente, a competição têm uma tabela classificativa diferente… o que diz tal sobre a organização das competições em Portugal, onde todos os dirigentes federativos e de liga têm sido de sobremaneira elogiados? E será que os clubes não observam e chamam a atenção para estas discrepâncias, demandando rápido ajuste e acerto? Ficam por esclarecer estas questões.

Enquanto não entra em vigor o acordo televisivo que, espera-se, trará toda a Ledman LigaPro aos ecrãs, não apenas a aberrante opção de dar primazia às equipas ‘B’, que não podem subir, logo não deveriam ser prioridade senão dos próprios clubes, os resumos dos encontros do segundo escalão português, profissional, são avulsos. A liga pouco ou nada se mexe no sentido de mediatizar a prova que mais necessita desse trabalho e os próprios clubes, devido à gestão dos mesmos ou às exigências federativas e/ou da liga, também não propiciam essa importante divulgação.

A ronda 34 arrancou no sábado com o Aves a manter a veia vencedora e a esticar o avanço para o Varzim, 3.º, até aos nove pontos.

Um único tento, por Ericson, foi suficiente para os de José Mota prevalecerem sobre os açorianos do Santa Clara, num duelo de treinadores que começaram a temporada na Liga NOS, Mota no Feirense, Carlos Pinto no Paços de Ferreira.

A celebração com os adeptos após mais um triunfo, o terceiro seguido. Fonte: sítio oficial do Aves www.cdaves.pt

O Sporting Braga, apesar de ainda não ter avançado para um canal televisivo em pleno como estava previsto pelo seu presidente, tem tido o cuidado de assegurar os seus encontros ‘B’ e femininos em casa através da plataforma mycujoo, tendo isso mesmo sucedido na recepção ao Freamunde.

Abel Ferreira guiou os ‘Gverreiros do Minho’ a um 4-2 sobre os ‘Capões’, que ‘custou’ o lugar a Ricardo Chéu. Os argentinos que tomaram conta da SAD do Freamunde certamente pensavam numa rápida chegada à Liga NOS, contudo os ‘Capões’ encontram-se em zona de despromoção, numa temporada cheia de sobressaltos e pouco consistente.

Joca está com veia goleadora e soma novo bis, o segundo de 2017, depois de Vizela. Não faltam talentos à espera da oportunidade na primeira equipa bracarense, algo que tem faltado no clube e que Xeka mostrou ser o melhor caminho.

SC Braga B vs Freamunde

Se Costinha ainda aspirava à subida, mesmo que o negue, a derrota em Barcelos foi nova marcha-atrás nesse objectivo e dificilmente a ‘Briosa’ conseguirá recuperar lugar na divisão maior em 2017.

Um erro do guardião Ricardo Ribeiro viu Paulinho apontar o único tento da partida e dar os três pontos aos ‘Galos’.

Apesar de ter sido transmitida pela SportTv, a partida entre os históricos Gil Vicente e Académica não tem disponíveis vídeo-resumos por parte do operador que assegurou. O servidor de que dispõe para a exibição dos golos e melhores jogadas quase em tempo real apenas disponibiliza os mesmos para a Liga NOS, em mais uma demonstração de completa falta de interesse e de autopromoção por parte de todos os intervenientes, nem os próprios sítios dos dois clubes, com tanta história, têm reportagem e imagens do encontro, não se valorizando a comunicação. Haja ou não Bom Futebol, pede-se uma profissional comunicação.

A celebração do golo. Foto: Gonçalo Delgado/Global Imagens

Depois de uma seca de vitórias, o Cova da Piedade de João Barbosa regressa aos triunfos, golo de Rui Varela nos descontos e imagens obtidas por adeptos nas bancadas.

Com quatro descidas directas e duas equipas em play-out, a luta pela permanência envolverá mais de meio plantel desta Ledman LigaPro. A oito jornadas do final da prova num os que se encontram nos lugares imediatamente abaixo dos dois postos de subida estão ainda a salvo.

Após o triunfo sobre o líder Portimonense, os ‘Leões Serranos’ de Filipe Gouveia não mais venceram, foram cinco empates e agora uma derrota, deixando a formação da Estrela no limiar dos lugares de play-out.

Outros dois históricos, o ‘reinventado’ Académico Viseu e o Leixões, empataram a dois, mantendo-se os de Matosinhos em zona de descida e os viseenses somente dois pontos acima do play-out.

O resumo da partida é garantido pela Estação Diária Tv.

O central Bura deu vantagem aos da casa e Ricardo Moura impediu que o marcador avançasse mais em favor dos de Viseu. Ao intervalo seguia o encontro com a vantagem mínima dos anfitriões.

Entrou melhor o Leixões no segundo tempo e, depois de uma bola no ferro, Fatai iguala a contenda.

Um penalti já dentro dos últimos 10 minutos permite a reviravolta leixonense, mas os descontos trouxeram enorme elevação de Zé Pedro e novo cabeceamento viseense, agora para empatar a partida.

Em Alcochete o Sporting CP ‘B’ goleou o Olhanense por 5-1, com realce para o ‘poker’ do angolano Gelson Dala, tendo o algarvio Pedro Delgado também marcado. O Olhanense está condenado à descida, mais uma formação lusa cuja SAD foi adquirida de forma pouco transparente e que nada apresenta em termos de acréscimos competitivos, investimento, não se compreendendo a fundo estes supostos investimentos.

Foi igualmente nos descontos que o Penafiel conquistou o empate na Póvoa de Varzim, cortesia de Gonçalo Abreu. Os ‘Lobos do Mar’ atrasam-se desta forma no sonho de regresso ao escalão maior.

Disputa de bola apertada no desafio entre Varzim e Penafiel. Fonte: sítio oficial do Varzim www.varzim.pt

Na recepção ao Portimonense, o Vizela venceu por 2-1 com dois golos nos últimos 10 minutos, por Filipe Abreu, depois dos algarvios terem ganho vantagem cedo por Fabrício, ganhando os de Carlos Cunha nova vida na luta pela permanência no segundo escalão.

O Vizela relançou a sua luta pela sobrevivência a expensas do líder. Fonte: sítio oficial do Vizela www.fcvizela.pt

O União da Madeira deslocou-se ao Seixal para bater o Benfica ‘B’ por 0-4, ambos empatados a 50 pontos à partida para o desafio. Será difícil o regresso dos madeirenses ao máximo escalão, contudo um par de percalços do Aves pode dar nova vida aos perseguidores.

Famalicão e Vitória Guimarães B ficaram pelo nulo neste derby minhoto, que custou novo despedimento a Nandinho. O Famalicão segue em zona de play-out.

Foi num estádio bem composto, com mais de três adeptos que Famalicão de Vitória SC ‘B’ ficaram pelo nulo. Foto: sítio oficial do Famalicão www.fcfamalicao.pt

A 34.ª jornada findou com derrota caseira de Fafe na recepção ao FC Porto, mantendo-se os amarelos em zona vermelha da tabela.

A AD Fafe começa a desesperar na zona de descida. Foto: facebook oficial da AD Fafe

 

Autor: António Valente Cardoso

 

 

 

Deixe o seu comentário

bomfutebol