-- ------ Premier League 2017/2018 - Jornada 5 - Bom Futebol
Bom Futebol

Premier League 2017/2018 – Jornada 5

Premier League 2017/2018 - Jornada 5

Premier League 2017/2018 – Jornada 5

Mais um fim de semana se passou e mais uma jornada da Premier League foi disputada, neste caso, a Jornada 5. Com Manchester United e Manchester City empatados à partida para a Jornada 5, a expectativa passava por saber se os rivais continuariam juntos no primeiro lugar. Contudo o destaque da Jornada 5 da Premier League foi o derby londrino entre Chelsea e Arsenal. Seguem-se os resultados dos dez jogos da Jornada 5 da Premier League 2017/2018.

AFC Bouremouth 2 1 Brighton & Hove Albion
Crystal Palace 0 1 Southampton
Watford 0 6 Manchester City
West Bromwich 0 0 West Ham United
Newcastle 2 1 Stoke City
Liverpool 1 1 Burnley
Huddersfiled Town 1 1 Leicester City
Tottenham 0 0 Swansea City
Chelsea 0 0 Arsenal
Manchester United 4 0 Everton

AFC Bournemouth 2 – 1 Brighton & Hove Albion

Na Jornada 5 finalmente o Bournemouth conseguiu os primeiros pontos na Premier League 2017/2018. Uma vitória difícil mas com um gosto especial. Para conquistar os três pontos o Bournemouth teve de dar a volta ao marcador.

A equipa visitada foi quem mais posse de bola e mais oportunidades de golo criou durante o jogo. Contudo, as duas equipas fizeram basicamente o mesmo número de remates na direcção da baliza adversária. Os golos surgiram somente na segunda parte. O Brighton foi a primeira equipa a marcar. Aos 55 minutos de jogo, Gross trabalha bem sob o lado direito do ataque do Brighton, cruzando para o interior da área, onde surge March a cabecear para o fundo da baliza. A pressão ofensiva do Bournemouth aumentou a partir do golo sofrido. Aos 67 minutos de jogo, Jordon Ibe faz um fantástico passe de calcanhar para Surman e o médio finaliza de pé esquerdo após bom trabalho individual. A consumação da reviravolta surgiu aos 73 minutos de jogo. Ibe novamente na assistência, desta vez para Jermain Defoe, sendo que o internacional inglês a marcar o golo da vitória.

O Bournemouth consegue assim os primeiros pontos desta edição da Premier League. Quanto ao Brighton & Hove Albion, volta a encontrar o sabor da derrota após ter vencido na jornada anterior.

Crystal Palace 0 – 1 Southampton

A equipa de Cédric Soares, que foi titular neste jogo, conseguiu uma importante vitória na deslocação a Londres. Um solitário golo de Davis fez a diferença neste jogo.

Um jogo com duas partes bem distintas. Na primeira parte o Southampton foi mais controlador e dominador do jogo. Mais posse de bola e mais oportunidades. Logo aos 6 minutos de jogo e Davis dava a vantagem para os visitantes. O médio ofensivo aproveitou uma bola perdida no interior da área para fazer o primeiro e único golo do jogo. Na segunda parte o Crystal Palace reagiu e tentou procurar o empate mas foram incapazes de bater a defensiva do Southampton.

Com a quinta derrota em cinco jogos o Crystal Palace é a única equipa que ainda não pontuou nesta edição da Premier League. Confirmaram ainda nesta Jornada 5 serem a primeira equipa da história da Premier League a não marcar nenhum golo nas primeiras cinco jornadas. Roy Hodgson a não ter a melhor estreia pelo Crystal Palace. O Southampton volta ao caminho das vitórias, após ter perdido na jornada anterior.

Watford 0 – 6 Manchester City

Alguma expectativa antes do início deste jogo da Jornada 5. Tanto Watford como Manchester City estavam invictos no início do jogo. Contudo a equipa de Guardiola revelou-se ser uma adversário muito superior para Marco Silva e os seus jogadores.

Seis golos sem resposta são o espelho da superioridade do Manchester City perante o Watford. Sempre no controlo do jogo, os Citizens souberam impor o seu estilo de jogo. Aguero foi a grande figura do encontro. O avançado argentino fez três golos e uma assistência, estando envolvido em quatro dos seis golos do jogo. Gabriel Jesus, Otamendi e Sterling completam o quadro de marcadores este jogo.

Esta foi a primeira derrota da equipa de Marco Silva nesta edição da Premier League. Caberá agora a Marco Silva saber gerir esta pesada derrota da melhor forma perante os seus jogadores, para que na jornada seguinte conseguirem recuperar. Por seu lado, a equipa de Guardiola soma mais uma vitória, continuando no topo da Premier League ao lado do Manchester United.

Imagem 1 – Aguero a ser a grande figura do jogo com um hattrick e uma assistência – Fonte: www.premierleague.com

West Bromwich 0 – 0 West Ham United

Um jogo pobre entre duas das equipas com mais história na Premier League. Um empate sem golos neste jogo da Jornada 5, que castiga o desacerto ofensivo de ambas as equipas.

A equipa do West Ham United demonstrou querer mais do que o empate. Teve mais posse de bola e até criou mais oportunidades de golo que o West Bromwich Contudo a sua maior posse de bola limitou-se a um remate na direcção da baliza adversária. O mesmo número de remates que o West Bromwich fez na direcção da baliza de Joe Hart.

Com este resultado, o West Bromwich alcança o terceiro jogo consecutivo sem ganhar, tendo mais um empate e uma derrota, além do resultado da Jornada 5. O West Ham volta a conquistar pontos pelo segundo jogo consecutivo, tendo quatro pontos no total.

Newcastle 2 – 1 Stoke City

No regresso do Newcastle ao principal escalão do futebol inglês, a equipa do norte de Inglaterra está a demonstrar querer não voltar a ser despromovida. Nesta Jornada 5, o Newcastle recebeu e venceu o Stoke City, por 2-1.

Apesar de maior tempo de posse de bola para o Stoke City, assistiu-se a um jogo equilibrado nas oportunidades de golo. Melhor o Newcastle no momento da finalização, sendo mais eficaz. Aos 19 minutos de jogo, Atsu foi o primeiro rosto dessa eficácia ao fazer o 1-0. O antigo jogador do FC Porto, surgiu ao segundo poste a finalizar de primeira, após cruzamento de Ritchie do lado direito do ataque.

Na segunda parte, o Stoke City conseguiu chegar ao empate. Aos 57 minutos de jogo, Shaqiri a fazer um colocado remate em zona frontal da área, que só terminou no fundo da baliza. Aos 68 minutos de jogo, em nova assistência de Ritchie, Lascelles a fazer o segundo golo da equipa num forte cabeceamento. O defesa inglês a dar a vitória à equipa com o seu golo.

O Newcastle atinge a terceira vitória seguida, tendo neste momento nove pontos e estando em quarto lugar. O Stoke City atinge o terceiro jogo consecutivo sem ganhar, tendo cinco pontos em cinco jogos.

Liverpool 1 – 1 Burnley

Após ter sofrido uma pesada derrota na jornada anterior, o Liverpool não conseguiu recuperar o caminho da vitória. Aliás, o Bunrley após ter ganho na casa do Chelsea, volta a roubar pontos na casa de uma das equipas mais importantes na Premier League.

O Liverpool teve uma posse de bola a rondar os 71% e criou umas incríveis 35 oportunidades de golo. Contudo dessas 35 oportunidades somente por 9 vezes conseguiu rematar na direcção da baliza de Pope. O Burnley teve muitas menos oportunidades (5) mas mais objectivo nas raras vezes que esteve na fase ofensiva. Aliás seria o Burnbley a fazer o primeiro golo. Aos 27 minutos, Arfield aproveitou uma sobra de bola à entrada de área para fazer o 1-0. Salah colocaria o jogo novamente empatado aos 30 minutos de jogo. O internacional egípcio a aproveitar uma bola passada para as costas da defesa do Burnley para fazer o golo do empate. O Liverpool bem tentou até ao fim do jogo chegar ao golo da vitória mas o Burnley não permitiu que tal acontecesse.

Liverpool e Burnley terminaram o jogo empatados na classificação, desta vez com oito pontos cada um. Vantagem no desempate para o Burnley que tem uma diferença de golos de +1, enquanto que o Liverpool está a 0.

Imagem 2 – Apesar de mais um golo de Salah, o Liverpool não foi além do empate – Fonte: www.premierleague.com

Huddersfiled Town 1 – 1 Leicester City

A equipa sensação desta fase inicial da Premier League 2017/2018 voltou aos pontos após a primeira derrota da competição na jornada anterior. Perante o seu público, Depoitre (antigo jogador do FC Porto) a dar a vantagem à equipa da casa. Contudo o Leicester conseguiu o empate, através de Vardy.

A equipa da casa foi quem mais iniciativa de jogo teve durante todo o encontro. Com mais posse de bola, o Huddersfield teve mais oportunidades de golo que o seu adversário. Aliás o Leicester somente fez um remate na direcção da baliza do Huddersfield, em todo o jogo. Um único remate que deu o único golo da equipa.

Golos somente na segunda parte. Logo no início da segunda parte, aos 46 minutos, o belga Depoitre inaugurou o marcador. O avançado, foi mais forte no 1×1 contra Maguire e conseguiu bater Schmeichel no remate final. Contudo 4 minutos depois o Leicester empatou o jogo. Lowe comete grande penalidade e Jamie Vardy aproveitou para empatar o marcador. Resultado que até ao fim do jogo não se alteraria, apesar dos esforços da equipa visitada.

Após duas vitórias nas primeiras duas jornadas, o Huddersfield segue agora numa sequência de três jogos sem ganhar. Apesar desta ser a pior sequência de resultados nesta época, certo é que os adeptos do Huddersfield podem estar satisfeitos com os desempenhos da equipa até ao momento. O Leicester encontra-se em pior situação. Após três jogos consecutivos a perder, aumentou para quatro o número de jogos consecutivos sem ganhar. Contudo o empate é uma melhoria aos resultados mais recentes e poderá ser usado como ponto de partida para melhores desempenhos e resultados.

Tottenham 0 – 0 Swansea City

Renato Sanches foi mais uma vez titular pela equipa do País de Gales, ajudando no empate deste jogo da Jornada 5. Os Swans conseguiram impedir que a goleadora equipa do Tottenham fizesse golo e assim sair da deslocação a Londres com um ponto.

Foi claramente um jogo com um sentido único, na direcção da baliza do Swansea. O Tottenham teve uns incríveis 75% de posse de bola e criaram 26 oportunidades de golo. Só que além da pontaria dos jogadores do Tottenham não ter sido a melhor, encontrou um Fabianski altamente concentrado e intransponível.

Com o empate, o Tottenham volta a perder pontos para a liderança. Aliás, os Spurs  ainda não conseguiram registar duas vitórias consecutivas nesta edição da Premier League. Apesar de ter sido somente um ponto, o Swansea conquista um ponto num terreno difiícil, onde não haverão muitas equipas a pontuar.

Imagem 3 – No seu segundo jogo pelo Swansea, Renato Sanches contribuiu para o empate no terreno do Tottenham – Fonte: www.premierleague.com

Chelsea 0 – 0 Arsenal

O grande jogo da Jornada 5 da Pemier League. Um jogo que teve emoção, boa intensidade, boa dinâmica de jogo, bons duelos individuais e tácticos mas faltando o golo. Um empate sem golos, injusto para os amantes do Bom Futebol.

Um derby londrino disputado a uma grande intensidade e ritmo de jogo. Nenhuma das equipas quis deixar a outra conquistar o domínio de jogo, tendo-se assistido a uma toada de “parada e resposta”. Se o Chelsea ameaçava a baliza de Cech, rapidamente o Arsenal respondia com perigo a rondar a baliza de Courtois. Contudo o golo que ameaçava surgir nas balizas de ambas as equipas nunca chegou a surgir. Destaque negativo para a expulsão de David Luiz já perto do fim do jogo.

O Chelsea interrompe uma sequência de três vitórias consecutivas, tendo neste momento dez pontos e ocupando o terceiro lugar da classificação. O Arsenal encontra-se com menos três pontos que o Chelsea, estando a meio da tabela classificativa.

Imagem 4 – Empate sem golos, num jogo cheio de emoção e Bom Futebol – Fonte: www.premierleague.com

Manchester United 4 – 0 Everton

Sabendo de antemão que o Manchester City tinha ganho nesta Jornada 5, o Manchester United estava obrigado a ganhar para se manter na liderança partilhada. Na recepção ao sempre traiçoeiro Everton, o Manchester United fez um jogo dominador e autoritário, tendo chegado a uma vitória confortável.

O jogo começou basicamente com o Manchester United a vencer. Logo aos 4 minutos de jogo e Valencia a dar a vantagem aos Red Devils. E que golo!!! O equatoriano a fazer um fantástico golo, num fulminante remate de primeira de fora da área. A partir deste instante o Manchester United adoptou uma postura de maior controlo do jogo, procurando ser muito composto e equilibrado na sua forma de atacar de forma a não ser surpreendido no contra-ataque. Apesar de mais posse de bola, a equipa do Everton não conseguiu ultrapassar a organizada estrutura defensiva do Manchester United para criar claras oportunidades de golo.

Os últimos dez minutos de jogo por parte do Manchester United, foram demolidores. Aos 83 minutos de jogo Lukaku assiste  Mkhitaryan para o 2-0. Sete minutos depois foi Lukaku a fazer o 3-0, após finalizar com tranquilidade, o cruzamento der Lingard. Por fim, Martial, fechou o resultado em 4-0, ao bater Pickford através de um penalti, isto já em período de compensação.

Com a vitória, os quatro golos marcados e nenhum sofrido, o Manchester United continua a liderar, juntamente com o seu rival de Manchester. O Everton, volta a perder pelo terceiro jogo consecutivo, tendo nesta Jornada 5 descido para um dos lugares de despromoção.

Imagem 5 – Lukaku a fazer mais um golo pelo Manchester United, confirmando o bom início de época – Fonte: www.premierleague.com

Conclusão

Figura 1 – Classificação da Premier League após a Jornada 5 – Fonte: www.zerozero.pt

Numa Jornada 5 com somente 21 golos marcados (muito culpa dos 3 empates sem golo), na Figura 1 temos a classificação actual da Premier League. As duas equipas de Manchester continuam a liderar com treze pontos cada um. Aliás as duas equipas têm os mesmo pontos, os mesmos golos marcados e os mesmos golos sofridos. Mais empatados é difícil de encontrar. Na perseguição à dupla líder, temos o Chelsea com dez pontos. Newcastle e Tottenham seguem a seguir, com nove e oito pontos respectivamente.

No fundo da tabela classificativa, o Brighton saiu dos últimos três lugares, estando no seu lugar o Everton. Apesar da primeira vitória da época, o Bournemouth continua no penúltimo lugar. Já o Crystal Palace é o lanterna vermelha, sem qualquer ponto feito ou qualquer golo marcado.

Na Jornada 6 teremos mais dez jogos de grande nível, com o selo da qualidade da Premier League. O Manchester City receberá o Crystal Palace, enquanto que o Manchester United se deslocará ao campo do Southampton. Veremos se ao fim da Jornada 6,as duas equipas de Manchester estarão a liderar a Premier League em conjunto ou se alguma terá vantagem sobre a outra.

Deixe o seu comentário

bomfutebol
Powered by Live Score & Live Score App