-- ------ Premier League 2017/2018 - Jornada 8 - Bom Futebol
Bom Futebol

Premier League 2017/2018 – Jornada 8

Premier League 2017/2018 - Jornada 8

Premier League 2017/2018 – Jornada 8

O melhor futebol de Inglaterra voltou, após a jornada internacional de selecções, com a realização da Jornada 8 da Premier League 2017/2018.

A Premier League está de volta, desta vez com a Jornada 8. Após paragem devido aos compromissos internacionais das selecções, o Bom Futebol inglês está de regresso. Não havia melhor forma de começar a Jornada 8, do que com um escaldante clássico. Liverpool recebeu o Manchester United na abertura da Jornada 8. Será que ambas as equipas de Manchester continuam na liderança? Estes são os resultados dos dez jogos da Jornada 8 da Premier League 2017/2018.

Liverpool 0 0 Manchester United
Manchester City 7 2 Stoke City
Swansea City 2 0 Huddersfield Town
Tottenham 1 0 AFC Bournemouth
Crystal Palace 2 1 Chelsea
Burnley 1 1 West Ham United
Watford 2 1 Arsenal
Brighton & Hove Albion 1 1 Everton
Southampton 2 2 Newcastle
Leicester City 1 1 West Bromwich

Liverpool 0 – 0 Manchester United

Um clássico do futebol inglês a abrir a Jornada 8 da Premier League 2017/2018. Liverpool recebeu um dos líderes da Premier League, o Manchester United. As duas equipas com mais títulos de campeões do principal escalão do futebol inglês em confronto neste jogo.

Neste duelo, a equipa da casa superiorizou-se ao seu adversário em todos os momentos do jogo. Fortes e agressivos na pressão quando perdiam a posse de bola. Bem organizados defensivamente, criando muitas dificuldades ao Manchester United em aproximar-se da baliza de Mignolet em condições de finalizar. Velozes, criativos e objectivos ofensivamente, tendo estado mais perto de fazer o golo que o seu adversário. Ficou mesmo a faltar o golo que justifica-se a superioridade do Liverpool durante o jogo.

Tendo em conta o que se passou no jogo, pode-se dizer que o Manchester United ganhou um ponto neste jogo contra o Liverpool. Contudo mesmo esse ponto “ganho” é o insuficiente para manter o Manchester United na liderança partilhada após a Jornada 8. Quanto ao Liverpool, também sai prejudicado ao fim da Jornada 8, estando em oitavo lugar.

Manchester City 7 – 2 Stoke City

Sabendo de antemão que o Manchester United tinha empatado contra o Liverpool, o Manchester City tinha uma grande oportunidade de ser o líder isolado ao fim desta jornada. O feroz poder ofensivo do Manchester City foi grande demais para o Stoke City. Uma expressiva vitória, que faz deliciar os seus adeptos com futuros sucessos.

Cedo o Manchester City assumiu o controlo do jogo e à passagem da meia hora de jogo já ganhava por 3-0. Gabriel Jesus (17′), Sterling (19′) e David Silva (27′) foram os autores dos golos do Manchester City na primeira parte. Ainda antes do intervalo, Diouf fez o primeiro golo do Stoke City no jogo e reduziu o resultado para 3-1. No início da segunda parte o Stoke City ameaçou a vantagem do Manchester City ao fazer o 3-2, fruto de um auto-golo de Kyle Walker.

Contudo, rapidamente os Citizens recuperaram o controlo do jogo e fizeram mais quatro golos, que fixaram o resultado final. Gabriel Jesus a bisar na partida aos 55 minutos de jogo. Fernandinho (60′) com um golaço, Sané (62′) e Bernardo Silva (79′), fizeram os restantes golos que fixaram o resultado final em 7-2. Destaque para o primeiro golo de Bernardo Silva na Premier League.

A vitória e restantes resultados da Jornada 8 permitem ao Manchester City ser o líder isolado da Premier Legaue 2017/2018. Além da liderança isolada, os seus adeptos devem de estar bastante satisfeitos com a forma de jogar da equipa. Nos jogos recentes temos assistido a um Manchester City ofensivamente demolidor e controlador do jogo. Veremos se Guardiola finalmente conseguiu colocar a equipa do Manchester City a jogar à sua imagem e conseguirá manter esta dinâmica de jogo ao longo de tão difícil temporada. O Stoke City acaba por cair um lugar na classificação, estando muito perto dos lugares de despromoção.

Swansea City 2 – 0 Huddersfield Town

A paragem da Premier League fez bem ao Swansea City. Após quatro jogos sem ganhar, a equipa do País de Gales aproveitou a Jornada 8 para voltar ás vitórias. Este não foi dos jogos mais brilhantes da Premier League, mas a equipa da casa fez valor a sua maior experiência na Premier League em relação ao Huddersfield.

O Swansea foi a equipa que entrou melhor no jogo e quem criou mais oportunidades de golo na fase inicial do jogo. Abraham aproveitou um erro do guarda-redes do Huddersfield para fazer o primeiro golo aos 42 minutos de jogo. Na segunda parte, e em desvantagem no resultado, o Huddersfield adoptou uma postura mais controladora. Contudo as suas intenções de dar a volta ao marcador sofreram um duro golpe com o 2-0, da autoria de Abraham, logo aos 47 minutos de jogo. Até final do jogo, o Huddersfield assumiu a iniciativa de jogo mas foram incapazes de fazer mexer novamente no marcador. Destaque para o facto de Renato Sanches não ter sido convocado, devido a lesão.

A vitória do Swansea foi crucial para a luta pela manutenção. Três pontos que garantiram uma subida na classificação. O Huddersfield Town cai um lugar na classificação, tendo mais um ponto que o Swansea City.

Tottenham 1 – 0 AFC Bournemouth

Apesar da boa classificação do Tottenham nesta fase da Premier League, somente ao fim da Jornada 8 o Tottenham conseguiu a sua primeira vitória em casa. Finalmente o Tottenham conseguiu a sua primeira vitória jogando no Estádio de Wembley.

Apesar de todo o domínio do Tottenham em termos ofensivos (mais posse de bola, mais oportunidades de golo e mais remates na direcção da baliza) o Tottenham conseguiu uma vitória pela margem mínima. Eriksen, aos 47 minutos de jogo, num colocado remate à entrada da área, fez o golo da vitória e garantiu os três pontos para o Tottenham.

Tendo em conta os restantes resultados da Jornada 8, a vitória do Tottenham perante o Bournemouth foi essencial para manter-se por perto do topo da classificação. Quanto ao Bournemouth, continua a ter dificuldade em acertar o passo na Premier League, continuando em lugares de despromoção.

Crystal Palace 2 – 1 Chelsea

Este foi claramente o resultado mais surpreendente da Jornada 8 da Premier League. O Crystal Palace, que à partida para este jogo não tinha nenhum golo marcado e nenhum ponto feito, recebeu e venceu o Chelsea, neste derby londrino.

Um Chelsea desfalcado de Morata e Kanté por lesão, foi surpreendido logo nos minutos iniciais. Num lance um pouco confuso aos 11 minutos de jogo, Azpilicueta fez auto-golo e deu vantagem à equipa da casa. O Chelsea rapidamente reagiu e conseguiu empatar o jogo aos 18 minutos de jogo. Bakayoko saltou mais alto que os seus adversários e aproveitou o canto marcado por Fabregas para fazer o 1-1 num colocado cabeceamento. Ainda antes do intervalo, o Crystal Palace chegou ao 2-1. Zaha, regressado de lesão, fez o 2-1, num lance em que sozinho deixou para trás três defesas do Chelsea.

Na segunda parte o Chelsea tentou de todas as formas chegar ao golo e a um resultado melhor. Contudo o Crystal Palace demonstrou uma grande força colectiva e defendeu a vantagem com todas as suas forças, garantindo a primeira vitória e os primeiros pontos da época.

Apesar da primeira vitória no campeonato, o Crystal Palace continua no último lugar. Contudo esta vitória pode ser o ponto de partida para a recuperação pontual da equipa. O Chelsea acaba por cair na classificação, após a derrota e os restantes resultados da Jornada 8.

Burnley 1 – 1 West Ham United

O Burnley chegava a este jogo da Jornada 8 bem melhor que o seu adversário, West Ham United. Com uma equipa assente no verdadeiro espírito de equipa, o Burnley a surpreender no começo de época, mostrando-se ser uma equipa defensivamente muito sólida e organizada. E que ofensivamente, tem sido extremamente eficaz.

Neste jogo, o Burnley assumiu uma postura diferente do que em relação aos jogos anteriores. O Burnley assumiu a iniciativa de jogo em boa parte da partida. Foi a equipa que teve mais posse de bola (62%) e com mais oportunidades de remate (20). Contudo a eficácia que demonstrou noutros jogos, desta vez não surgiu. Dessas vinte oportunidades de golo só por cinco vezes conseguiram rematar na direcção da baliza. Já o West Ham foi muito mais objectivo na gestão da sua posse de bola. Com somente 38% do tempo de jogo com a bola em sua posse, os Hammers fizeram seis remates na direcção da baliza de Pope.

O primeiro golo do jogo surgiu para os visitantes. Aos 19 minutos de jogo, Antonio aproveita uma reposição longa de Joe Hart, para ganhar as costas da defesa do Burnley, ultrapassar Pope e depois a fazer o 0-1. Ainda antes do intervalo, uma baixa para o West Ham, após Andy Carroll ter visto dois cartões amarelos em 2 minutos. Na segunda parte, aos 85 minutos, Chris Wood a fazer o golo que encerrou o resultado final, num colocado cabeceamento.

Com o empate na Jornada 8, o Burnley acaba por cair na tabela classificativa. Já o West Ham United, soma mais um ponto mas mantém a mesma classificação.

Watford 2 – 1 Arsenal

Na antevisão para este jogo da Jornada 8, Wenger referiu admiração pelo trabalho de Marco Silva neste início de época no Watford. Palavras justas pelo bom início de época que o Watford tem demonstrado. Este jogo veio a confirmar isso mesmo. Uma grande vitória para Marco Silva e os seus jogadores.

Uma primeira parte em que o Arsena foi mais forte. Mais tempo com a bola em sua posse e com mais oportunidades de golo. Essa superioridade permitiu ao Arsenal construir a vantagem de 0-1 ao intervalo. Aos 39 minutos de jogo, Xhaka marca o pontapé de canto e Mertsacker a saltar mais alto que todos e a cabecear para o 0-1. Na segunda parte o Watford veio com outra atitude e dinâmica em busca de um resultado melhor. Aos 71 minutos chegou o golo do empate, Deeney a fazer o 1-1 na marcação de um penalti. Já em tempo de compensação Cleverley a fazer o 2-1, aproveitando uma sobra de bola no interior da grande área.

A vitória do Watford permite à equipa subir ao quarto lugar. Já o Arsenal não consegue evitar cair na tabela classificativa.

Brighton & Hove Albion 1 – 1 Everton

Jogo entre duas equipas empatadas na classificação, com os mesmos sete pontos. Ambas as equipas a lutar pela manutenção, apesar de se esperar mais da equipa de Koeman. Tal como o equilíbrio na classificação, assistiu-se a um jogo equilibrado entre estas duas equipas. Tão equilibrado que o jogo terminou empatado 1-1.

A equipa visitante teve um ligeiro ascendente no controlo da posse de bola e nas oportunidades de golo. Contudo foi um jogo equilibrado, com ambas a procurarem pelo golo que desse a vitória, sem descurar a possibilidade de sofrerem algum contra-ataque que lhes custar o jogo. A primeira equipa a fazer golo foi o Brighton.  Aos 82 minutos de jogo, Knockaert a fazer o 1-0 aproveitando um ressalto de bola no interior da área. Já em cima do minuto 90, Rooney a fazer o golo do empate na marcação de um penalti.

Tudo fica como o início. Ambas as equipas mantêm-se empatadas na classificação, desta vez com oito pontos cada uma.

Southampton 2 – 2 Newcastle

Separados por apenas dois pontos à partida para este jogo da Jornada 8, Southampton e Newcastle acabaram por empatar a dois golos cada um. Um jogo em que a equipa da casa foi quem teve mais posse de bola mas foram os visitantes a serem mais perigosos e objectivos no ataque à baliza.

Foram os visitantes a serem os primeiros a fazerem golo. Aos 20 minutos de jogo, Hayden faz um remate à entrada da área, fora do alcance do guarda-redes Forster. A perder ao intervalo, o Southampton aumentou a pressão ofensiva sobre o adversário e conseguiu chegar ao empate. Logo aos 49 minutos de jogo e Gabbiadini a fazer um colocado remate após uma boa jogada individual. Contudo o empate durou pouco tempo. Dois minutos depois do empate, Pérez a fazer o 1-2, aproveitando uma desatenção defensiva da equipa do Southampton. O golo do empate final surgiu aos 75 minutos de jogo. Gabbiadini a fazer o golo que sentenciou o resultado final através da marcação de uma grande penalidade.

Apesar do empate nesta Jornada 8, o Southampton consegue subir um lugar na classificação. Destaque para a actuação de Cédric Soares, tendo jogado o jogo inteiro. Já a equipa do Newcastle manteve o seu lugar no top 10 da Premier League.

Leicester City 1 – 1 West Bromwich

O Leicester City necessitava urgentemente de uma vitória neste jogo da Jornada 8. Com dificuldades neste início de época, de jogo para a jogo o Leicester City tem-se aproximado cada vez mais dos lugares de despromoção. Contudo não foi uma vitória que conseguiram diante do West Bromwich. Um empate conseguido após terem estado em desvantagem.

Os Foxes foram a equipa que teve iniciativa de jogo com mais posse de bola e mais oportunidades de golo. Contudo o West Bromwich conseguia repelar todas essas acções e reduzir o perigo em redor da sua baliza. Os golos do jogo só surgiram na segunda parte. O West Bromwich foi a primeira equipa a fazer golo. Aos 63 minutos de jogo, Chadli a abrir o marcador num colocado e fantástico remate num livre directo. O Leicester City reagiu bem ao golo sofrido e aumentou ainda mais a pressão ofensiva em redor da baliza do West Bromwich.

Aos 80 minutos, Mahrez a fazer compensar o esforço ofensivo do Leicester City com o golo do empate. O argelino trabalhou bem dentro da área de penalti, antes de fazer um colocado remate para o golo. Até ao fim do jogo, o Leicester City manteve a pressão ofensiva sobre o West Bromwich mas não houve mudanças no resultado.

O empate foi insuficiente para evitar que a equipa do Leicester caísse para os lugares de despromoção. Um início de época muito semelhante com o que fizeram no início da época de 2016/2017. Por parte do West Bromwich, o empate permite manter a equipa no décimo lugar.

Conclusão

Figura 1 – Classificação da Premier League 2017/2018 após a Jornada 8 – Fonte: www.zerozero.pt

Após vinte e oito golos marcados e um excessivo número de empates (cinco), na Figura 1 temos a classificação actual da Premier League. O Manchester City é líder isolado com mais dois pontos que o Manchester United. Tottenham fecha o Top 3 com 17 pontos, enquanto que o surpreendente Watford é quarto com 15 pontos. Seguem-se Chelsea, Arsenal, Burnley e Liverpool, todos com 13 pontos feitos.

No fim da tabela classificativa continua o Crystal Palace. Apesar da primeira vitória e dos primeiros pontos da época, para já a equipa do Crystal Palace terá que dar seguimento a este resultado para sair dos lugares de despromoção. Também o Bournemouth mantém a sua posição no penúltimo lugar. Nesta Jornada 8 junta-se ao grupo nos lugares de despromoção o Leicester City. Apesar do empate nesta jornada, a vitória do Swansea atira os Foxes para um lugar de despromoção.

Em termos individuais, Lukakau continua na frente da lista de melhores marcadores. Apesar de não ter marcado nesta Jornada 8, o avançado continua a ser o melhor marcador com 7 golso marcados. Segue-se depois um grupo de três jogadores do Manchester City, um do Tottenham e outro do Chelsea, com 6 golos: Sterling, Aguero, Harry Kane e Morata. Já em relação às assistências, David Silva é quem tem mais assistências (6), sendo que Mkhitaryan segue no seu encalço com 5 assistências.

Próxima Jornada

No próximo fim de semana o Bom Futbeol britânico continuará em mais uma jornada da Premier League. O Manchester City receberá o difícil Burnley, que ainda não perdeu qualquer jogo como visitante. Será que os Citizens conseguirão ultrapassar este desafio e manterem-se como líderes isolados da Premier League? Resposta que será dada após a realização da Jornada 9 da Premier League.

Deixe o seu comentário

bomfutebol