-- ------ Uma Aventura na China – Capítulo 21 - Bom Futebol
Bom Futebol

Uma Aventura na China – Capítulo 21

China

Uma Aventura na China – Capítulo 21

Com agrado volto a trazer a todos vós, assíduos leitores do Bom Futebol, mais um capítulo desta minha aventura na China. O vigésimo primeiro capítulo, com novas histórias, aventuras e visitas a locais novos.

Neste vigésimo primeiro capítulo da aventura pela China trago-vos o relato da cerimónia de encerramento do Sports Meeting. O regresso às aulas após o feriado do dia 1 de Maio, bem como o regresso aos treinos, neste caso da equipa feminina de futebol. Pelo meio ainda uma visita à queda de água de Hukou, local marcante por um bonito espectáculo da natureza.

Cerimónia de Encerramento do Sports Meeting

Devido ao facto de para o feriado do 1 de Maio (também bastante celebrado na China), o governo ter decretado descanso na segunda feira, no sábado compensou-se essa segunda feira de descanso com um dia normal de trabalho. Devido ao facto de a China ser uma país bastante grande, e em que as pessoas aproveitam os feriados para irem às suas terras natal, o governo dá mais um dia de descanso em conjunto com o feriado oficial, sendo que esse dia é compensado com um dia de trabalho num dos dias do fim de semana (anterior ou posterior ao feriado).

Já no artigo anterior tinha dito que a cerimónia de encerramento do Sports Meeting seria no sábado. Mas ao contrário da cerimónia de abertura, esta foi muito menos artística e muito mais formal. Após o espectáculo do primeiro dia, estava à espera de algo semelhante, contudo não foi esse o caso.

Para a cerimónia de encerramento, os alunos das diversas turmas perfilaram no campo de futebol perante os líderes escolares (em menor número que na cerimónia de abertura).Alguns desses líderes fizeram os discursos da praxe, a enaltecer o evento e o espírito participativo de todos os alunos e professores. Houve claro espaço à homenagem dos melhores alunos/turmas que participaram no evento. Este momento marca o fecho destes “jogos olímpicos” escolares, que tanto agitaram a vida de alunos e professores desta escola primária. De referir que nas restantes escolas da cidade houve lugar aos respectivos Sports Meeting, inclusive na Universidade de Yan’an. Em conversas com algumas pessoas de outras escolas fiquei a perceber que a realização deste evento em cada escola é algo bastante importante para dinamizar a escola, alunos, professores e pais. Sendo notório o orgulho de todos os envolvidos nestes eventos.

Regresso às aulas de Futebol 

Após o feriado, dia 2 de Maio marcou o regresso às aulas de Futebol em Educação Física. Foi uma semana mais curta, com somente três dias de aulas, de quarta a sexta feira.

Foram mais de duas semanas sem aulas práticas, o que fazia esperar que retomassem as aulas totalmente esquecidos do que se aprendeu e das regras de conduta da aula. Para evitar especialmente que a segunda parte se tornasse realidade, tive que ser mais assertivo no início de cada aula, a explicar que se não seguissem as normas de conduta da aula seria muito difícil que participassem correctamente na aula. O tempo a mais que perdi na fase inicial de cada aula nesta explicação permitiu que os alunos focassem a sua atenção para o que deviam fazer de correcto na aula.

A verdade é não houve quebra na performance que os alunos nas aulas de Educação Física vinham a demonstrar antes de as aulas serem interrompidas. Não é que houvesse um grande espaço de manobra para que existisse um grande retrocesso. Mas o simples facto de 90% dos alunos não ter voltado aos níveis que demonstravam no início é um bom sinal.

Regresso ao treinos com a equipa feminina

 Como segunda e terça, os dias de treino da equipa masculina, não houve aulas devido ao feriado, o regresso ao treinos nesta semana ficou ao cargo da equipa feminina.

Este foi somente o terceiro treino delas, sendo que já vamos na nona semana de aulas. Ou seja, já perderam seis outros treinos devido a outras actividades, más condições atmosféricas e outros “eventos” que para os chineses impossibilitou a realização dos treinos.

Quando esperava que fosse um treino em que as jogadoras demonstrassem um grande retrocesso do pouco que tinham aprendido, passou-se exactamente o oposto. Jogadoras mais confiantes com a bola nos pés e a arriscar fazerem as acções propostas com mais velocidade e intensidade. Claro que por vezes essa tentativa de aumento de velocidade de execução era contraproducente, já que perdiam muitas vezes o controlo da bola. Mas fiquei bastante surpreendido com a atitude e dinâmica que apresentaram neste treino, após tanto tempo sem treinarem. Talvez tenhamos aqui algo de bastante positivo.

Hukou Falls

Aproveitei o feriado, neste caso o domingo antes do feriado, para voltar a viajar e a conhecer um pouco mais da região onde estou. Desta vez fui até Hukou, uma vila fronteiriça com a província de Shanxi (eu estou na província de Shaanxi) onde visitei a queda de água que existe em Hukou.

Em Hukou passa o famoso rio Amarelo, que divide as duas províncias que anteriormente falei. Nesta vila há uma queda de água do rio Amarelo, sendo que pode ser visitada tanto do lado de Shanxi como do lado de Shaanxi, onde eu estive.

Apesar de até ao momento não ter sido um ano com muita chuva, a força da queda de água é bastante impressionante, apesar de não ser a maior ou/e mais famosa queda de água da China.

Foi uma longa viagem de autocarro por serras e montes (cerca de 3 horas para cada sentido) mas valeu a pena. Fica em seguida um pequeno registo fotográfico e em vídeo deste  e diferente momento.

Perspectiva da próxima semana

Pensando já no que poderá ocorrer na próxima semana, o que mais me deixa na perspectiva é o regresso dos treinos de futebol da equipa de 2009/2010. O último treino foi a 17 de Abril, sendo que só a 7 de Maio regressam aos treinos. Tenho receio de que este tempo todo sem treinarmos represente um retrocesso no que vinha a ser desenvolvido. O pior é que o tempo até à competição escolar é cada vez menor. Já não consigo seguir o plano que tinha delineado pois estes treinos todos que tinha no planeamento foram descartados (pelo menos quatro treinos). Se ao menor tempo de preparação ainda tiver que voltar atrás para recuperar aprendizagem que se perdeu, torna a minha tarefa ainda mais difícil.

No meio desta incerteza, o certo é que estarei aqui novamente na próxima semana para vos trazer em primeira mão mais uma semana de aventuras de um treinador na China. Até para a semana!

Deixe o seu comentário

bomfutebol